O que fazer quando o celular fica sem sinal e as contas de serviços on-line são roubadas?

No golpe de 'SIM swap', criminoso registra a linha em outro chip, fazendo com que a linha original seja desconectada. — Foto:  Roman Martinyuk/Freeimages.com



Celular sem sinal e WhatsApp roubado


Um golpe chamado de "SIM Swap" ("troca de SIM", sendo SIM o chip do seu número). Nesse golpe, os criminosos conseguem cadastrar o seu número em outro chip SIM, que é usado no celular deles. Isso dá acesso ao seu número de telefone.
Como muitos serviços, infelizmente, utilizam o número de telefone (via SMS) para recuperação e verificação de conta, isso também dá aos criminosos o acesso a essas contas mediante o uso da recuperação da senha. O WhatsApp também pode ser cadastrado em outro telefone se tiverem acesso ao seu número e você não tiver configurado a verificação em duas etapas.
É fundamental que você entenda que isso muito provavelmente não tem nenhuma relação com o seu aparelho de telefone. Os criminosos que atuam realizando esse tipo de golpe realizaram uma fraude se passando por você e podem ter até contado com auxílio de funcionários da operadora. Em outras palavras, é bastante provável que você não teve nenhuma culpa ao ser vítima dessa ação.
O mais importante é entrar em contato com a operadora de telefonia e verificar o que ocorreu: o que foi alegado para a troca do SIM, onde ela foi realizada e por quem e assim por diante. Todos esses dados devem ser informados à polícia para que os responsáveis possam ser encontrados e penalizados.
Quanto aos prejuízos em seus serviços on-line, você terá que buscar remediá-los um a um. Se você suspeita que suas informações estão nas mãos de criminosos, você pode abrir um Alerta Permanente na Serasa, o que vai alertar as empresas sobre isso. No entanto, isso pode dificultar a abertura de serviços para você também, então avalie o que vale a pena para a sua situação.